Qualcomm Snapdragon 835: saiba tudo sobre o novo chipset top de linha para smartphones Android

3 de janeiro de 2017 Comentário(s)
Qualcomm Snapdragon 835: saiba tudo sobre o novo chipset top de linha para smartphones Android
Shares 4

Tempo de leitura: 4 minutosA Qualcomm acaba de anunciar oficialmente a nova plataforma para dispositivos móveis. O chip integrado Snapdragon 835 é o novo flagship da marca e deve desembarcar ainda esse ano em uma série de aparelhos top de linha, inclusive o Samsung Galaxy S8.

O chip é o primeiro a chegar com litografia de 10 nm FinFET. Isso significa mais desempenho e, é claro, um menor consumo energético: um dos recursos mais essenciais de qualquer chip mobile. Como é um SoC — System on a Chip — o Snapdragon 835 pode embarcar em uma série de dispositivos diferentes incluindo celulares, tablets, óculos de realidade virtual, câmeras e até mesmo PCs rodando Windows 10. Sim, ele é praticamente um PC completo em uma única peça de silício.

Recursos de sobra para o futuro

O sistema de conexão embutido no Snapdragon 835 inclui modem LTE x16 (Gigabit Class), 2×2 802.11ac Wave 2 Wi-Fi e Bluetooth 5. Ele também conta com o opcional 802.11ad para conectividades múltiplas.

O poder de fogo também aumentou com um novo processador e uma nova GPU integrados: o Kryo 280 e o Adreno 540 respectivamente. O Kryo 280 possui 8 núcleos sendo 4 deles voltados para a eficiência, com clock de até 1.9 GHz e outros 4 nícleos de desempenho máximo, com frequência máxima de até 2,45 GHz. Já o Adreno 540 conta com recursos avançados e suporte para OpenGL ES 3.2, OpenCL 2.0, Vulkan e DirectX12. O sistema de memória desse SoC é o LP-DDR4 1866 MHz.

Ele ainda possui um processador DSP, o Hexagon 682 com suporte para machine learning e processamento de imagens. Outro processador de imagens (ISP) incluído no SoC é o Spectra 180 feito para lidar com câmeras de alta definição. Para completar, ele também traz o chip Haven pensando em segurança como leitor biométrico, por exemplo.

Falando do sistema de localização, o 835 suporta GPS, GLONASS, BeiDou, Galileo e QZSS.

Os 5 pilares do Snapdragon 835

A Qualcomm acredita que o Snapdragon 835 tem uma base sólida apoiada em vários pilares fundamentais.

O primeiro é o consumo energético que foi drasticamente reduzido nesse modelo. Se comparado com o modelo da geração anterior ele é 35% menor e consome até 25% menos energia. Mas, mesmo assim, se a bateria acabar, existe o Quick Charge 4; a nova versão do sistema de carregamento rápido da Qualcomm é até 20% mais veloz que a versão 3.0, além de ser bem mais eficiente.

A realidade virtual chegou para ficar e o Snapdragon 835 reúne um conjunto de recursos para processamento de dados e imagens indicados para aumentar a imersão: o segundo pilar do SoC. O Adreno 540 vem com um poder de processamento até 25% maior que o chip top de linha da geração passada. Com isso, o chip suporta processamento de vídeos 4K com facilidade.

O terceiro pilar do Snapdragon 835 é o processador de imagens. O Spectra 180 é um ISP robusto com recursos de captura de imagens, vídeos e zoom óptico e digital. Ele também possui processamento de imagens HDR com suporte a uma câmera de 32MP ou duas de 16MP.

Conectividade é o quarto item da lista: modem LTE x16 (Gigabit Class), 2×2 802.11ac Wave 2 Wi-Fi e Bluetooth 5. Ele também conta com o opcional 802.11ad para conectividades múltiplas.

A segurança também não fica de lado no Snapdragon 835. O processador Qualcomm Haven conta com scanner biométrico digital, facial e ocular. Além disso, ele suporta autenticação de usuário via hardware, indicado para aumentar a segurança principalmente em modelos de pagamento digital.

O sistema de machine learning é outro recurso que a Qualcomm se orgulha de ter implementado no Snapdragon 835. O software framework conta com o sistema TensorFlow do Google. Quem utilizar o DSP Hexagon 682 pode criar sistemas mais robustos como fotografias inteligentes, mais segurança e assistentes pessoais mais espertos.

Vale lembrar que nem todos esses recursos estarão disponíveis em todos os smartphones e, ou, outros aparelhos lançados com o Snapdragon 835. Cada fabricante deverá escolher aqueles que julgar mais interessantes.

As especificações técnicas do Snapdragon 835

  • CPU Kryo 280 com quatro cores focados em performance rodando até 2.45 GHz e quatro cores focados em eficiência rodando até 1.9 GHz
  • Modem integrado Snapdragon X16 LTE que suporta a categoria LTE 16 com velocidades de download até 8 gigabits por segundo e velocidades de upload na categoria LTE 13 com velocidades de upload de até 150 megabits por segundo
  • MU-MIMO 2×2 11ac integrado com 50% de redução de tamanho e 60% redução no consumo de energia em redes Wi-Fi se comparado ao chipset Snapdragon 820
  • Suporte a conectividade 802.11ad multi-gigabit WI-Fi com velocidades que chegam até 4.6 gigabits pdr segundo
  • Primeiro chipset do mundo certificado comercialmente com a tecnologia Bluetooth 5 oferecendo velocidade de transferência de até 2 megatis por segundo e uma suíte de recursos novos (Bluetooth, Rádio FM, Wi-FI e infravermelho pela solução WCN3990)
  • GPU Adreno 540 com suporte a OpenGL ES 3.2, bibloteca completa OpenCL 2.0, Vulkan e DirectX 12
  • Hexagon 682 DSP com HVX
  • Tecnologia Qualcomm All-Ways Aware com suporte à API Google Awareness
  • Suporte a memórias dual-channel LP DDR4X até 1866 MHz
  • Suporte ao Qualcomm Location para GPS, GLONASS, BeiDou, Galleio e sistemas QZSS,  que em combinação com conectividades LTE/WiFi/Bluettoth pode fornecer consciência de contexto e estar sempre com o “localizador” ligado
  • Suporte a câmeras duplas de 16 MP ou única de 32 GB com Qualcomm Spectra 180 ISP, 2sx ISP, 14-bit, autofoco híbrido (laser/contraste/luz estruturada/detecção de dupla fase AF), Qualcomm Clear Sight, zoom óptico, aceleração de hardware para detecção facial e gravação de vídeo HDR
  • Suporte a gravações Ultra HD 4K a 30 quatros por segundo, reprodução de vídeo Ultra HD 4K até 60 frames por segundo, suporte aos codecs H.264 (AVC) e H.265 (HEVC)
  • Tecnologia de carregamento rápido Quick Charge 4 embarcada
  • Suporte a plataforma de segurança Qualcomm SecureMSM para hardware e software, além da suíte Qualcomm Haven
  • Suporte ao codec de áudio Qualcomm Aqstic WC9341 que permite uma grade audiófila DAC de 32-bit/384kHz com SNR a 115 dB  e ultrabaixo a -105dB THD+N e DSD nativo para reprodução de áudio Hi-Fi. O chipset também trabalha com a tecnologia Qualcomm aptX e aptX HD para áudio Bluetooth com potência 2x melhorada em conectividade sem fio
  • Produzido com litografia de 10 nanômetros FinFET

Fonte(s): Qualcomm Newsroom

Comentários

Entrei no mundo dos computadores em 1987. Fui redator e editor do TecMundo e do TecMundo Games e sou completamente apaixonado por games, tecnologia e negócios.