Espionagem industrial? Protótipos da Razer são roubados durante a CES 2017

9 de janeiro de 2017 Comentário(s)
Espionagem industrial? Protótipos da Razer são roubados durante a CES 2017
Shares 2

Tempo de leitura: 1 minutoComo todos os anos, a Razer usa o palco da CES para apresentar grandes novidades e sempre acaba levando prêmios pela inovação. Esse ano, contudo, a empresa teve uma surpresa pouco agradável. Dois protótipos apresentados no evento foram roubados do estande.

Quem fez o comunicado foi o CEO da companhia, Min-Liang Tan, em seu perfil oficial no Facebook. No comunicado, ele disse estar muito chateado com a situação e que a equipe trabalhou meses no desenvolvimento dos projetos para levantar a barra e inovar mais uma vez.

Tan também disse que não descarta a possibilidade de o roubo ser um caso de espionagem industrial e que se for comprovado, os culpados vão ser punidos com o rigor da lei; afinal de contas, segundo ele, isso é trapaça e as penalidades para esse crime são graves: “claramente quem faz isso não é muito esperto”, finalizou o executivo. Ele conclui pedindo informações e dizendo que tudo se manterá em completo sigilo.

O CEO da Razer não revelou quais produtos foram roubados, mas certamente podemos desconfiar de dois modelos que chamaram muita atenção: o primeiro é o projetor gamer 4K Project Ariana, e o segundo é o notebook se três telas Project Valerie.

Fonte(s): Facebook

Comentários

Entrei no mundo dos computadores em 1987. Fui redator e editor do TecMundo e do TecMundo Games e sou completamente apaixonado por games, tecnologia e negócios.